As famílias podem ser uma bênção maravilhosa e podem ser uma grande dor de cabeça, em especial durante as Festas. Tudo ao mesmo tempo. O stress da temporada de Natal, combinado com o facto de que, muitas vezes, os vemos mais nesta altura do que durante o resto do ano, pode trazer alguma tensão e discussões até ao ponto de ebulição.

Além disso, a maioria das famílias já não é composta por mãe, pai, 2,5 crianças e um ou dois avós adoráveis. Em vez disso, lidas com ex-cônjuges, os seus novos parceiros e uma mistura de crianças, enteados e vários meios-irmãos e irmãs. Com isso vem muita complicação para a agenda das Festas já bem complicado.

Embora cada família seja diferente, existem algumas coisas que podes fazer para facilitar.

Aqui algumas regras básicas (que podem ser aplicadas o ano todo, claro!)

Sê paciente e gentil

Esta é a altura para ser paciente e gentil. Faz este o teu lema e vais desfrutar de uma época muito mais pacífica e relaxada este ano. Lembra-te disto quando as coisas ficarem mais caóticas.

Quanto mais simples mantiveres as coisas nesta altura, mais fácil é ficar paciente e gentil. Quando temos muito que fazer, ficamos estressados e irritados. Não tenho que te dizer que isto leva a um “pavio curto” que pode provocar atos e palavras de que te podes arrepender mais tarde.

Afasta-te, se precisares

Às vezes, a melhor coisa que podes fazer é afastares-te. Se uma situação te está a stressar ou a sair do controlo, afasta-te um pouco. Vai respirar e volta quando te sentires capaz de ser paciente e amável. Às vezes, ir para uma sala diferente por alguns minutos ou dar um passeio é suficiente. Noutras ocasiões, só precisas de te afastar da pessoa em causa antes de discutirem para ficar tudo bem. Há momentos em que é melhor sair mesmo. Se essa é a única coisa que tornará possível para ti e às outras pessoas que amas desfrutarem do Natal, então faz o que precisas fazer.

Adiar as discussões sempre que possível

As Festas só acontecem uma vez por ano. Morde a tua língua se precisares de evitar desentendimentos e discussões. Não precisas de ceder ou cortar com membros com quem não te dás tão bem. Pensa nisso como um adiamento de uma discussão durante as Festas. Aproveita o tempo com os teus entes queridos…

Uma última coisa a ter em mente quando estás a lidar com disputas e discussões nesta altura. Esta é uma época especial do ano à qual não podes voltar. Tenta colocar de lado sentimentos negativos e celebra esta época especial com família e amigos.

Para as novas famílias

Encontrem pontos em comum

Não importa quão tenso seja o relacionamento, comece por tentar encontrar um terreno comum. Por exemplo, se partilhas filhos com o teu/a tua ex, isso seria dar às crianças um Natal agradável. Este é o objetivo mais importante a manter em mente quando fazes os teus planos para as Festas. Isto dá-te um ponto de partida e um motivo para conversar e fazer as coisas funcionarem.

Encontrar pontos em comum pode ser difícil quando não te dás bem com a tua família alargada ou reagrupada. Porém, podem bem valer a pena para tornar esta época mais agradável e pacífica para ti e para os que amas.

Disponibiliza-te para encontrar compromissos

As novas famílias que combinam os “teus, meus e nossos” envolvem muitas pessoas e com isso vêm diferentes compromissos, tradições e expectativas. Para que as coisas funcionem neste Natal, dispõe-te a encontrar novos compromissos. Talvez tu queiras as crianças contigo na manhã de Natal e o teu ex quer estar com eles à meia-noite. Faz com que funcione, mesmo que isso signifique conduzir às 2h da madrugada para os ir buscar.

O mesmo acontece com as tradições. Cada família tem suas próprias tradições, decorações e planos para as Festas que poderão colidir. Senta-te e tem uma conversa com todos os envolvidos. Descobre o que é mais importante para cada membro da família e encontra compromissos que funcionem para todos. Mistura as suas tradições e usem a criatividade para criar algumas novas também.

A prática traz a perfeição

Por último, mas não menos importante, não esperes que as coisas aconteçam sem alguns percalços no primeiro Natal. Leva algum tempo para que as pessoas se integrem e adaptem. Novas tradições não são criadas num dia. Continua a trabalhar nisso em família, continuem a praticar. Em pouco tempo encontrarão o vosso caminho e viverão o Natal perfeito para a vossa família

X